Trabalhadores da PT : A um Ano de angústia sucede um Ano de Esperança!

 

Nesta quadra festiva o TENSIQ envia aos Trabalhadores da PT/MEO/Altice uma calorosa saudação e esperança em melhores dias.

 Principalmente aos colegas que foram objeto da “transmissão de estabelecimento” que vivem no desânimo e descrença pela situação que lhes foi criada injusta e inexplicavelmente. Partilhamos a angústia!

E aos que diariamente vivem a incerteza no futuro, face ao passado recente!

 A esses recordamos que o TENSIQ tudo fez e fará para repor a legalidade e prevenir que não se repitam as indesejadas Transmissões. O TENSIQ acredita ser possível reverter esta situação. Junta-te a nós neste sentimento de esperança!

 

Desejamos construir melhores dias! Juntos!

 

Em jeito de balanço:

 

Em 20/10/2017, o TENSIQ deu entrada no Tribunal de Trabalho de Coimbra, da única, Acção Declarativa de Condenação respeitante às Transmissões de Estabelecimento dos Trabalhadores seus Associados até à data.

 Esta acção serviu ainda para proteger todos, ao constituir uma barreira ao avanço de eventuais intenções de generalizar a constituição de Transmissões (verdade que essas intenções foram sempre negadas pela gestão, mas…)

 Em 9/11/2017 decorreu a Audiência de Partes na tentativa de conciliação que não colheu sucesso, como era expectável face à irredutibilidade da Empresa na prossecução da transmissão, estando nesta altura a aguardar o desenrolar do processo em sede do Tribunal de Trabalho de Lisboa, pelo facto do Tribunal de Coimbra se considerar sem Competência Territorial para o Julgar, estando a decorrer os tramites legais próprios do direito, para se proceder à fase de julgamento.

 

É portanto o ÚNICO processo em Tribunal!

 

O TENSIQ, sem os meios financeiros de outros, sem Centrais Sindicais de apoio na retaguarda, sem apoios de retaguarda na Comunicação Social, mas com a coragem maior que a da soma dos restantes, fez o que tinha a fazer! Sem alardes nem encenações!

 A todos recordamos que o TENSIQ, por via da sua determinação e iniciativa independente, por bula papal foi banido de uma autodenominada Plataforma Sindical com o argumento de que “o mais grave”…“o TENSIQ foi a correr, pela "calada da noite" meter um processo no Tribunal de Coimbra! Sic!

 Pela calada da noite significa que não publicámos nos jornais nem nos pusemos em bicos de pés para as TVs, quais vedetas de telenovela, nem pedimos autorização a NINGUÉM!

 Façam favor de registar: O TENSIQ não pede autorização a ninguém na defesa dos trabalhadores!

 Agora, 2 meses depois, em Conferência de Imprensa convocada para o efeito, essa Plataforma anunciou que …vai seguir-nos! 2 meses depois! o que ganharam os trabalhadores com essa indecisão? Quem ganhou com essa espera?

 

Não importa quem “ganhe” desde que a vitória seja dos trabalhadores!

 Recordamos a gestão que existe um ACT negociado e em vigor que deve servir para erguer a ponte que una as duas margens tão distantes neste momento; que é pelo respeito mútuo que se alcança a confiança necessária para resolver os conflitos a contento de todos! E que estamos e estaremos SEMPRE disponíveis para nos sentarmos à mesa para negociações sinceras e sem reservas de qualquer índole.

 

Basta convocarem-nos!

 Recordamos que, como ERCT legitima, não delegamos em ninguém a representação que os nossos associados nos confiam para defesa dos seus interesses, como tal aguardamos que todas as iniciativas negociais contem com a nossa participação.

 Recordamos que entregámos para negociação do ACT a proposta de revisão de cláusulas pecuniárias e estamos empenhados na discussão e definição de carreiras, que face à constante evolução tecnológica na nossa actividade, estão muito desactualizadas face à realidade funcional!

 

Boas Festas, Paz, Saúde e Esperança para todos!

 

TENSIQ – Sindicato Nacional Dos Quadros Das Telecomunicações

 Dezembro 2017

 

  Francisco Violante

  O Presidente da Direção